NEW! Venha fazer parte da comunidade de doadores do portal Timon Diário! SOBRE

Estilo de VidaMundo

Youtuber explica motivos de devolver filho autista adotado após 2 anos

2 Mins read

Dona de um canal com mais de 716 mil seguidores, Myka Stauffer decidiu entregar criança.

A youtuber Myka Stauffer causou revolta nas redes sociais após compartilhar um vídeo no qual ela e o marido revelam ter enviado para uma nova família um menino autista de quatro anos que eles adotaram há dois anos. Hoje aos 32 anos e dona de um canal com mais de 716 mil seguidores no YouTube, a influenciadora aparece em meio a lágrimas na gravação explicando que a criança tinha “demandas especiais” que eles não sabiam atender. As informações são da Revista Monet.

O envio da criança para outra residência foi noticiado há algumas semanas, mas Satuffer só se pronunciou publicamente agora, após ataques crescentes nas redes sociais.

“Com adoções internacionais, há informações desconhecidas e coisas que não ficam claras nas documentações”, afirma Stauffer no vídeo em que explica sua decisão. “Quando o Huxley chegou em casa havia demandas especiais que não tínhamos consciência e das quais não fomos informados”.

“Nos últimos anos, o Huxley esteve um vários terapeutas que tentaram o ajudar. Para nós, foi uma experiência de muito aprendizado, com coisas que nos deixaram tristes e chateados, porque nunca era o que gostaríamos de ouvir. Não queríamos estar nessa posição e tentamos oferecer todo o suporte… Nós realmente o amamos”.

Depois, ela completou: “Não há nenhum pedaço do Huxley que não amamos. Não houve um minuto com ele que não tentamos o nosso melhor e após múltiplos esforços, avaliações e profissionais consultados, concluímos que ele precisava de mais. Me sinto com uma mãe fracassada. Tipo, 500%. Então os comentários hostis só estão piorando a situação. Não diz respeito a mim, é a jornada dele e os últimos meses foram os mais difíceis, pior do que imaginei”.

Ela encerrou o vídeo dizendo que a criança está feliz, com uma nova família, com uma mãe que conta com formação médica e que pode ajudá-lo.

Myka e o marido são pais de quatro crianças biológicas: Kova, Jaka, Radley e Onyx. Após enviar o filho adotado para um nova casa, ela alterou o status de sua conta no Twitter para: “Me siga e acompanhe a minha vida com os meus quatro filhos”. As ações foram alvo de ataques enfáticos nas redes sociais e pedidos de seguidores para que os patrocinadores da youtuber deixem de apoiá-la.

“Ela realmente devolveu o filho porque ele não atendia às expectativas dela? Repulsiva. Sinto pena dessa criança”, escreveu uma pessoa no Twitter. “Imagine adotar uma criança na China, um órfão com necessidades especiais, e alguns anos depois enviá-lo para outra família”, criticou outra. “Estou deprimida com essa história, principalmente com ela se fazendo de vítima”, afirmou uma terceira. “Ela só tratou do assunto porque está correndo o risco de perder seus financiadores”, acusou mais alguém.

Relacionadas
BrasilMundo

OMS anuncia que vai retomar testes com hidroxicloroquina para Covid-19

2 Mins read
Cientista da entidade alertou, entretanto, que mais mudanças podem ocorrer no futuro. Testes com a substância foram suspensos na semana passada. A…
EconomiaMundo

EUA rompem oficialmente com OMS e acusam China de espionagem

2 Mins read
Segundo presidente Donald Trump, organização está sendo controlada pela China e diz que país asiático mentiu e escondeu informações sobre pandemia Os…
EntretenimentoEstilo de Vida

Fim de semana: 5 filmes para você assistir em casa

2 Mins read
Confira as dicas para o fim de semana, como os novos filmes de Tom Hanks e Mark Rufallo Filmes em casa: confira…

Informe-se no Timon Diário

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *